Fórum de Alvações do Corgo # O seu fórum, para uma comunidade moderna e comunicativa.
 
InícioCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Santa Marta de Penaguião - Sócrates recebido em apoteose por largas centenas de pessoas

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Cabecinha

avatar

Mensagens : 292
Data de inscrição : 08/06/2009
Idade : 45
Localização : Alvações do Corgo

MensagemAssunto: Santa Marta de Penaguião - Sócrates recebido em apoteose por largas centenas de pessoas   Qui Set 10, 2009 1:54 pm

O Primeiro-Ministro, José Sócrates, foi recebido com “vivas” naquela que foi a sua primeira visita oficial ao concelho de Santa Marta de Penaguião. A inauguração do monumento dedicado à “Mulher de Santa Marta”, da avenida de Nossa Senhora da Guia...
...e do Pavilhão Municipal de Desportos trouxeram o governante até ao município duriense. José Sócrates agradeceu “do fundo do coração” a forma como foi recebido no passado dia 4 de Setembro, em Santa Marta de Penaguião. “Não sou ingrato nem sou insensível”, afirmou. A inauguração de três obras “da maior importância e significado para a vida de todos os penaguienses”, como descreveu o autarca local, Francisco Ribeiro, foi o motivo da primeira visita oficial do governante ao concelho penaguiense.

Depois de inaugurar o monumento de homenagem à “Mulher de Santa Marta”, José Sócrates, visitou as obras do centro escolar, situado junto ao novo gimnodesportivo. “Se há um sector em que temos de apostar para garantir o nosso futuro é a educação”, defendeu José Sócrates, que apontou o novo equipamento como “um exemplo no País”.

A comitiva seguiu para o novo Pavilhão Municipal de Desportos, um “equipamento fundamental que faltava no concelho”, onde o aguardavam largas centenas de pessoas e onde distribuiu abraços e beijos. A nova infra-estrutura resultou de um investimento de 1,05 milhões de euros, dos quais 400 mil euros foram comparticipados pelo Estado. Francisco Ribeiro salientou o facto de parte dessa comparticipação, cerca de 250 mil euros, terem chegado no dia anterior. “Tinha a certeza que o senhor primeiro-ministro não vinha de mãos a abanar”, enfatizou.

O presidente da Câmara de Santa Marta de Penaguião destacou que as obras inauguradas naquele dia “estão pagas”. “Uma raridade nos dias de hoje e uma imagem que queremos manter e solidificar”, garantiu o autarca. Francisco Ribeiro não deixou de se referir aos “tempos de crise” que se vivem. “É exactamente nestes momentos que se evidenciam os audazes, os optimistas, os mais capazes, e que, através da sua maior visão, constroem novos caminhos, novos horizontes e novas oportunidades, para preparem um futuro melhor”, afirmou.

O autarca referiu-se ao “vasto número” de obras em curso, como o quartel de bombeiros ou o centro escolar, entre outras. “Com este ritmo de obra estou certo que até ao final do ano iremos ter oportunidade e o prazer de o receber novamente para inaugurar um conjunto vasto de obras que estão a decorrer em elevado ritmo”, afirmou Francisco Ribeiro.

Cheirinho a campanha

Já com um “cheirinho” a campanha eleitoral, José Sócrates aproveitou para afirmar que esta legislatura fica marcada pelo “maior volume de investimento de sempre”. “Tenho orgulho de fazer parte de um Governo que decidiu fazer, contra ventos e marés, a Auto-estrada que vai ligar Amarante a Bragança”, realçou José Sócrates, referindo-se ainda às restantes vias estruturantes previstas para Trás-os-Montes.

O primeiro-ministro assegurou que estes investimentos têm de ser feitos “não só para trazer justiça a Trás-os-Montes”, mas porque “há muita gente à espera de emprego”. “Estes são os tempos em que se exige que o Estado faça aquilo que tem de fazer, dar mais oportunidades às empresas e mais oportunidades de emprego aos cidadãos”, acentuou. O governante aludiu ainda ao aproveitamento do potencial hídrico para produzir energia. “Estamos a fazer mais barragens que darão emprego a muita gente e servirão para dinamizar a economia”, acrescentou.

Sócrates lembrou ainda o apoio na área social, nomeadamente através do complemento solidário para idosos que apoia cerca de 220 mil idosos carenciados, oito mil dos quais no distrito de Vila Real. “Sempre que se arranjou uma folga orçamental ela foi dirigida para aqueles que mais precisam”, afirmou o governante.

Ainda a propósito do sector da educação, o Primeiro-Ministro recordou o encerramento de 2500 escolas com menos de 10 alunos, uma das muitas “decisões difíceis” tomadas nos últimos quatro anos. “As antigas escolas primárias com menos de 10 alunos são um factor de exclusão e de insucesso escolar, daí a necessidade de criarmos os centros escolares”, explicou.

Sandra Borges, in noticias de Vila Real
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
Santa Marta de Penaguião - Sócrates recebido em apoteose por largas centenas de pessoas
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» [Brasil] FAB forma novos bombeiros em Lagoa Santa (MG)
» Base aérea dos Afonsos e Santa Cruz
» Ilha de Santa Lúcia - freeware
» [miguel07] Playboy Sta Marta Futebol Clube
» [Brasil] Avião da Força Aérea Brasileira cai e explode na serra catarinense

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Alv@Fórum :: Noticias :: Noticias Gerais.-
Ir para: